Viajantes conectados: pesquisa da Intel revela truques e reclamações de quem não deixa o computador em casa durante as férias

As férias de final de ano estão chegando, e uma pesquisa feita pelo instituto YouGov a pedido da Intel revelou que 69% dos viajantes conectados levam na mala um item indispensável: seus notebooks – além disso, um em cada três entrevistados admitiu ficar estressado se deixar o equipamento em casa. O novo companheiro fiel precisa ser de alto desempenho, e os usuários esperam encontrar uma conexão acessível, confiável e consistente no local de destino. Confira alguns destaques do estudo:

According to a new Intel survey conducted by YouGov, a majority of connected road warriors admit they always bring their mobile computing device on vacation, and nearly 1 in 3 indicate it makes them nervous to travel without their device. (Credit: Intel Corporation)

Lentidão dolorosa: 7 em cada 10 viajantes (71%) ficam frustrados ao se deparar com um desempenho pífio e com baixa velocidade de Internet. Metade (55%) admite o que mais os estressa é não conseguir navegar navegar ou receber e responder seus e-mails rapidamente.

Locais inusitados: 8 entre cada 10 (81%) entrevistados relataram já terem se conectado à Internet em locais inusitados. Ainda que restaurantes (60%) sejam os locais mais comuns de conexão nesses casos, 4 entre cada 10 disseram ter se conectado em estacionamentos. Há registros também de quem abriu o computador para acessar a web no parque, na praia, no bar, no acostamento da estrada ou em uma parada de descanso.

É tudo uma questão de entretenimento… e e-mail: Ler e responder e-mails é a atividade favorita (90%) dos viajantes conectados, mas o entretenimento também é popular: mais da metade dos entrevistados (53%) se conecta para assistir vídeos e filmes e para jogar.

Duração da bateria: Menos de 1 entre cada 5 (18%) se preocupa com a duração da bateria durante as viagens. Apenas 1 entre cada 10 viajantes (10%) correram para uma tomada a fim de carregar o dispositivo para permanecer conectado.

Pagar ou não pagar?: Metade (55%) diz que não pagar por uma conexão ou pagar uma tarifa justa pelo o Wi-Fi é importante durante viagens. Um pouco mais de um quarto (26%) diz estar disposto a pagar por um curto período de serviço Wi-Fi.

Existem atualmente muitos equipamentos baseados em tecnologia Intel® disponíveis que oferecem ótimo desempenho e conectividade para computação em viagens – seja para responder aos e-mails ou assistir a um filme com resolução 4K. Os PCs reúnem experiências criativas em um design portátil e, equipados com conectividade rápida, permitem que as pessoas sejam mais produtivas onde quer que estejam. Considere um PC com conectividade, equipado com a tecnologia Intel para as festas de final de ano.

Metodologia da Pesquisa

A pesquisa foi realizada com 502 viajantes norte-americanos maiores de 18 anos pela YouGov em setembro de 2017 para esclarecer os hábitos, frustrações e preocupações relacionados a Wi-Fi/bateria entre este segmento da população.

Sobre a Intel
A Intel (NASDAQ: INTC) amplia os limites da tecnologia para possibilitar as experiências mais incríveis. Informações sobre a Intel podem ser encontradas em newsroom.intel.com e Intel.com.

Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou suas subsidiárias nos Estados Unidos e/ou outros países.

* Outros nomes e marcas são de propriedade de seus respectivos donos.