CES 2019: Intel apresenta tecnologias para a nova era da computação

 

Às vésperas da CES, Gregory Bryant, vice-presidente sênior de Client Computing Group, Navin Shenoy, vice-presidente executivo doData Center Group, e Professor Amnon Shashua, presidente e CEO da Mobileye, uma empresa Intel, subiram ao palco para demonstrar o compromisso da empresa com o aprimoramento contínuo da base computacional e de comunicação que faz avançar o modo como experimentamos o mundo e expandir o potencial humano

A Intel fez vários anúncios abrangendo PCs e novos dispositivos para diversos segmentos em crescimento, entre eles Inteligência Artificial (IA), 5G e direção autônoma. Discutimos também a inovação necessária em todo o data center, nuvem, rede e borda para permitir as novas experiências dos usuários e os fatores que moldarão o futuro.

A empresa apresentou a última versão do Intel® Xeon® Scalable products com avançada capacidade de memória e IA e ainda a 9th Gen Intel® Core™ de produtos para desktops. Também foram anunciados novos produtos de 10 nm para PCs, servidores e estações base de acesso sem fio 5G, o futuro dos novos designs de processadores baseados em sua tecnologia de embalagem 3D (Foveros).

A Intel também destacou o que é possível fazer quando as tecnologias trabalham perfeitamente em conjunto em todo o ecossistema. Comcast e Intel estão trabalhando juntas para concretizar o conceito da casa conectada. Novas iniciativas com a Alibaba demonstram como a IA da Intel vai proporcionar novas formas de relacionamento com os atletas nos próximos Jogos Olímpicos.

 

“Qualquer um pode reivindicar a liderança em um caso de uso isolado, mas na Intel nosso objetivo vai além. A próxima era da computação exige inovação em um nível completamente diferente – que engloba todo o ecossistema e abrange todas as facetas da computação, conectividade e muito mais. Nós não vamos nos contentar com nada menos. ”- Gregory Bryant

 

 

A nova face da computação

Impulsionando a inovação em toda a indústria de PCs: a área de Client Computing Group da Intel está muito bem posicionado para inovar, pois todo seu conjunto de tecnologias está sob o mesmo teto, sendo capaz de promover avanços na arena dos PCs e oferecer a fundação necessária para o mundo centrado em dados de hoje.

  • Nova plataforma móvel para PCs com Ice Lake: a visão do amanhã está estreitamente associada ao lançamento do Ice Lake, o processador de 10 nm para plataformas de Client Computing mais altamente integrado. O Ice Lake oferece um novo nível de integração com a nova microarquitetura Sunny Cove da Intel, conjuntos de instruções para acelerar o uso da IA e um mecanismo gráfico – Intel Gen11 – para melhorar significativamente o desempenho dos sistemas gráficos para jogos e da experiência de criação. Parceiros da Intel e fabricantes deverão ter novos equipamentos com Ice Lake nas prateleiras em 2019.

 

  • Projeto Athena: a Intel também anunciou o Projeto Athena, um programa de inovação e um novo conjunto de especificações do setor desenvolvidos para ajudar a dar início a uma nova classe de notebooks avançados que proporcionem novas experiências e tirem proveito das tecnologias de última geração, entre elas 5G e inteligência artificial. Desde entregar o primeiro PC conectado com Wi-Fi integrado na plataforma Intel® Centrino® até a adoção em grande escala de designs super finos e leves, telas sensíveis ao toque e fatores de forma 2 em 1 com Ultrabook ™, a Intel está posicionada de forma única para ser o catalisador na entrega a experiência de PC da próxima geração. Combinando alto desempenho, vida útil mais longa para as baterias e conectividade em projetos elegantes, os primeiros equipamentos do Projeto Athena deverão estar disponíveis no segundo semestre de 2019.

  • Prévia do Lakefield: a Intel está acelerando a inovação no universo de Client Computing, assumindo novas abordagens para arquitetura híbrida de CPUs e tecnologias de empacotamento. Durante a CES, a Intel apresentou uma prévia da nova plataforma de computação cliente Lakefield, com a primeira interação de sua tecnologia Foveros de empacotamento 3D. Essa arquitetura híbrida de CPUs permite manter em um único produto diferentes elementos de IP que antes eram usados separadamente. Isso possibilita a criação de uma placa-mãe de menores dimensões e dá aos fabricantes mais flexibilidade para criar novos modelos de dispositivos. O Lakefield deve entrar em produção em 2019.

 

  • Expansão da 9ª geração de processadores Intel Core para desktops: A Intel lançou novos modelos do processador Intel® Core™ de 9ª geração, expandindo a família para abranger uma variedade mais ampla de produtos desktop. Esses processadores oferecem desempenho líder no setor e fornecem novos recursos e experiências incríveis para profissionais de criação e jogadores em todos os níveis. O primeiro novo modelo do processador Intel® Core™ de 9ª geração para desktops estará disponível ainda este mês.

 

Poder para o mundo centrado em dados na nuvem, nas redes e nas bordas: o Data Center Group, da Intel está transformando os mais variados setores, oferecendo recursos incomparáveis que permitem mover, armazenar e processar grandes volumes de dados inexplorados.

 

  • IA avançada: A Intel anunciou o processador Intel Nervana para redes neurais por inferência ou NNPI, no
    At CES 2019, Navin Shenoy, Intel executive vice president in the Data Center Group, announced the Intel Nervana Neural Network Processor for Inference, which will go into production this year. Intel Corporation displays how its technology is the foundation for the world’s most important innovations and advances at CES 2019 from Jan. 8-11 in Las Vegas. (Credit: Intel Corporation)

    acrônimo em inglês. Essa nova classe de processadores, de codinome Spring Hill  e dedicada a acelerar a inferência com altas demandas de carga de trabalho, entrará em produção em 2019. A Intel também deverá ter um processador para redes neurais por treinamento, de codinome Spring Crest, entrando em produção em 2019.

 

  • Prévia do processador de 10 nm para servidores: pela primeira vez, a Intel demonstrou o Ice Lake, seu futuro processador Intel Xeon baseado em processo de 10 nm. Compatível com o Cooper Lake, o Ice Lake vai oferecer ganho de desempenho, novos recursos de segurança por hardware e muito mais, e tem lançamento previsto para 2020.  

 

  • Expandindo 5G com SoCs de 10 nm: a Intel divulgou que está expandindo seus investimentos de décadas em infraestruturas de rede com um novo SoC (system on chip) para redes baseado no processo de 10nm, que foi desenvolvido especificamente para acesso 5G sem fio e tecnologias de borda. Esse SoC para redes trará a arquitetura da Intel para estações de rádio-base sem fio de acesso e permitirá que mais funções computacionais sejam distribuídas para as bordas das redes. O Snow Ridge deverá estar disponível no segundo semestre deste ano.

 

  • Nova geração de processadores Xeon Scalable: a Intel anunciou o início da comercialização da nova geração de processadores Xeon Scalable (codinome Cascade Lake). Esse modelo é compatível com o Intel® Optane DC persistent memory  e Intel® DL Boost, que foi projetado para acelerar a inferência da aprendizagem profunda de IA. O Cascade Lake terá ampla disponibilidade no primeiro semestre de 2019.

 

 

“Os anúncios de produtos, inovação e parceria que estamos fazendo hoje destacam que a estratégia da Intel está funcionando. Estamos fazendo um excelente progresso na busca de uma enorme oportunidade de mercado de dados baseada em US$ 300 bilhões, abrangendo as áreas mais importantes – como IA, 5G e Autonomous Driving em uma escala inigualável.”- Navin Shenoy

 

 

Engenharia para aprimorar a experiência humana

O futuro da inovação depende mais do que nunca de uma infraestrutura de computação na qual todos os pontos trabalhem perfeitamente juntos. E essa é a vantagem da Intel. Somente a Intel está presente em todo o ecossistema, dos dispositivos à nuvem, por todas as redes até suas bordas, para proporcionar experiências novas e imersivas.

  • Redefinindo a conectividade nos lares: Intel e Comcast estão estabelecendo a base para novas experiências imersivas em casa. Para a próxima onda de banda larga Gigabit e além, a Intel está trabalhando com líderes da indústria em um padrão global para a tecnologia de 10 Gigabits e está começando a testá-lo em laboratório. Além disso, as duas empresas estão desenvolvendo em conjunto tecnologias para Wi-Fi 6 que vão proporcionar velocidades mais altas. Ambas também estão trabalhando na distribuição de conteúdo imersivo nas áreas de esporte e entretenimento para viabilizar experiências aprimoradas de visualização, começando pelos Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020.

 

  • Lutando pelo ouro com AI: Intel e Alibaba anunciaram uma parceria para desenvolver uma avançada tecnologia para monitoramento dos atletas das Olimpíadas de Tóquio. A tecnologia utiliza hardware da Intel existente hoje e que ainda serão lançados e a nuvem da Alibaba em uma aplicação deep learning para potencializar os recursos computacionais. A combinação de visão computacional e algoritmos de IA com deep learning permitirá extrair a forma dos atletas em 3D durante os treinamento e a competição usando câmeras de vídeo convencionais, sem o uso de sensores ou uniformes especiais.

 

  • Ampliando o impacto dos dados dos automóveis: Intel e Mobileye anunciaram que vão lançar uma oferta de serviço junto com a Ordinance Survey, a agência de mapeamento nacional do Reino Unido. A solução vai explorar os dados do evento que as câmeras Mobileye capturam com precisão incomparável. Esses dados serão coletados por veículos de frota equipados com Mobileye 8 Connect. Empresas de serviços públicos poderão combinar dados do subterrâneo, como tubulações de água e linhas de gás, com dados das ruas, como bueiros, sistemas de drenagem e postes.

 

Tanto para a nova geração de sistemas de comunicação quanto de computadores, as tecnologias da Intel formam a base para inovação e para os mais importantes avanços do mundo.

Sobre a Intel:

A Intel (NASDAQ: INTC), líder na indústria de semicondutores, está construindo o futuro orientado ao uso de dados pela computação e telecomunicações como base das inovações. O vasto conhecimento em engenharia da Intel ajuda as empresas a enfrentarem os maiores desafios do mundo, além de proteger, alimentar e interligar bilhões de dispositivos e infraestrutura de um mundo inteligente e integrado - da nuvem à rede, do começo ao fim, conectando tudo que há no meio.
Para mais informações sobre a Intel, acesse:
newsroom.intel.com e intel.com.

Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou suas subsidiárias nos Estados Unidos e/ou outros países.

*Outros nomes e marcas são de propriedade de seus respectivos donos.