Intel’s news source for media, analysts and everyone curious about the company.

A solução tecnológica para a batalha entre redes elétricas e mudanças climáticas

Tecnologia da Intel apresenta uma solução alternativa para desativar linhas de energia em tempos de crise.

Por Mike Bates

Mike Bates
Mike Bates é gerente geral global para a área de energia da Intel Corporation.

Quando a crise energética atingiu o Texas em fevereiro, minha família e eu estávamos entre os milhões de pessoas que sofreram os impactos de um apagão mortal devido a uma falha na geração de energia. Certas áreas, como as de hospitais, permaneceram abastecidas para apoiar suas infraestruturas críticas. No entanto, arranha-céus vazios nas proximidades se mantiveram iluminados por energia que poderia ter sido redirecionada para casas e outras localidades em necessidade.

Esses problemas não estão restritos ao Texas. Enquanto escrevo esse texto, incêndios florestais devastadores ao longo da costa oeste dos Estados Unidos estão ameaçando o fornecimento de energia para milhões de pessoas e forçando o sistema de energia a se adaptar rapidamente. Estamos vendo eventos climáticos severos com mais frequência devido aos impactos das mudanças climáticas.

Em períodos de crise, um dos elementos mais importantes para a recuperação é ter um sistema energético confiável. Contudo, nossa rede de energia obsoleta não é capaz de direcionar energia para os locais ela é mais necessária durante as crises. Em vez disso, as atuais soluções para mitigar os efeitos das redes desatualizadas incluem o desligamento das linhas de energia e a implementação de apagões frequentes para evitar mais danos. Essas soluções, porém, são insustentáveis, arcaicas e de pouco eficiente.

As atuais redes elétricas são vulneráveis e difíceis de operar. Foram construídas para suportar um fluxo unilateral de energia baseada principalmente em carbono e de fontes centralizadas. Não são capazes de redirecionar o fluxo rapidamente em tempos de necessidade nem de trabalhar com energia 100% renovável, fundamental para atender às metas climáticas globais, como a proposta do presidente Biden de criar um setor energético livre de poluição por carbono até 2035.

Devemos migrar para fontes de energia renováveis e construir uma rede mais inteligente. Para isso, a Intel criou uma solução tecnológica para simplificar os sistemas de energia significativamente, tornando-os mais confiáveis, adaptáveis e eficientes.

Maior uso de fontes de energia renováveis

Para reduzir os impactos das mudanças climáticas, precisamos de redes elétricas que possam operar melhor com energias renováveis. Essas fontes não apenas criarão um futuro de energia limpa, mas também serão distribuídas nos extremos das redes e em várias áreas. Assim as redes serão mais resilientes e não dependerão mais de fontes centralizadas de energia que costumam produzir gargalos devastadores em momentos de emergência.

Também precisamos de um sistema mais inteligente, capaz de trabalhar com fluxos de energia de e para os centros de geração – modo de que as fontes de energia renovável precisam para operar – e capaz de manter o equilíbrio no caso de energias intermitentes (como solar e eólica) em tempo real. Isso garante aos fornecedores de energia flexibilidade para direcionar o abastecimento para onde e quando é mais necessário e fornecer aos clientes as informações de que precisam para fazer escolhas ambientalmente conscientes e econômicas.

A migração para um sistema elétrico inteligente pode parecer assustadora, mas a solução da Intel pode simplificá-la em grande escala. As ambiciosas ações climáticas já viraram o modelo de distribuição de energia elétrica de ponta-cabeça, e o setor já está passando por uma rápida e enorme evolução.

renewable energy

Tecnologia da Intel como o principal indutor das soluções para redes elétricas inteligentes

Minha equipe na Intel tem trabalhado em uma solução computacional inédita que pode ser facilmente implantada nas infraestruturas existentes para criar redes elétricas mais inteligentes que possam se adaptar rapidamente às mudanças nas demandas de consumo de energia. Nossa solução implementa tecnologias de Inteligência Artificial (AI) e Internet das Coisas (IoT) nas redes existentes, “uniformizando-as” para que o mercado possa determinar a maior e melhor fonte de energia, independentemente de sua localização física nas redes. Redes uniformes permitem 100% de adoção de energias limpas, renováveis e intermitentes que podem ser integradas ao mercado em tempo real.

Atualmente, a operação de utilities trabalha com camadas de aplicações que foram adicionadas ao longo do tempo e nem sempre funcionam de forma coesa. Nossa tecnologia definida por software consolida essas aplicações em uma única plataforma e garante suporte para novas cargas de trabalho relacionadas ao sistema elétrico, como permitir energia limpa seja distribuída nos extremos das redes elétricas. Essa plataforma inclui recursos para tomada de decisões apoiada por IA, que detectam e aprendem o balanceamento ideal de cargas em um conjunto distribuído de fontes de energia limpa e intermitente. Uma abordagem de contêineres garante que as aplicações permaneçam isoladas e seguras. Essa plataforma reduz custos de capital, evitando desperdícios e distribuindo energia da forma mais eficiente possível. Também reduz custos operacionais, oferecendo uma visão sobre cada subestação e facilitando a manutenção preditiva.

Colaborando para otimizar as redes elétricas

A Intel tem trabalhado com governos, empresas e prestadoras de serviços públicos em todo o mundo para implementar essas soluções para redes inteligentes. Na Europa, estamos trabalhando com oito grandes concessionárias de energia elétrica para desenvolver uma rede inteligente flexível e gerenciável, chamada Edge for Smart Secondary Substation (E4S) Alliance. Nos Estados Unidos, estamos trabalhando com a Southern California Edison para transformar relés de subestações elétricas em aplicações virtualizadas, diminuindo assim os custos de implantação e manutenção, e também prestar serviços de cibersegurança para uma rede mais flexível, segura e moderna. E na Malásia, estamos trabalhando com a Tenaga Nasional Berhad na digitalização de redes elétricas, com foco em uma infraestrutura computacional virtualizada e aplicações para as subestações e redes.

Aumentar o consumo de energias renováveis e garantir opções mais limpas é parte fundamental do pilar de sustentabilidade da estratégia RISE da Intel, mas reinventar os sistemas elétricos é um desafio grande demais para ser enfrentado sozinho. Aplicando nossas tecnologias abrangentes e nossa capacidade única de reunir um ecossistema envolvendo prestadoras de serviços públicos, governo e provedores de tecnologia, podemos transformar as redes elétricas em todo o mundo e levar energia renovável e confiável para todos.

Mike Bates é gerente geral global para a área de energia da Intel Corporation.

Sobre a Intel

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder da indústria e cria tecnologias que mudam o mundo, apoiando o progresso e melhorando a vida das pessoas. Inspirados pela Lei de Moore, trabalhamos continuamente no aprimoramento do design e da fabricação de nossos semicondutores para ajudar clientes e parceiros a encontrar a melhor resposta para seus maiores desafios. Ao incorporar inteligência à nuvem, rede, borda e em todos os dispositivos de computação, fazemos com que o potencial dos dados seja realmente capaz de transformar os negócios e a sociedade. Para saber mais sobre as inovações da Intel, acesse newsroom.intel.com.br e intel.com.br.

© Intel, o logo da Intel e outras marcas Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias. Outros nomes e marcas são de propriedade de seus respectivos donos.