Parcerias e produtos em prol dos carros autônomos alcançam resultados expressivos

Falando sobre carros autônomos na CES 2018, o CEO da Mobileye, Professor Amnon Shashua, explicou que neste ano milhões de carros estarão nas ruas equipados com câmeras dianteiras e a tecnologia Mobileye de quarta geração EyeQ®, que funcionará como ponto crucial para possibilitar a direção autônoma no futuro. Esses carros, que serão produzidos pela BMW, Nissan e Volkswagen, coletarão de dados que serão enviados para a nuvem, permitindo a criação de mapas em alta definição através do programa Mobileye’s Road Experience Management (REM™).

 

Esses mapas serão o ponto chave para o lançamento de carros seguros e acessíveis de níveis 4/5 (aqueles sem participação humana na condução), e a curto prazo também irão ajudar a criar uma nova categoria, chamada de Nível 2+. Sistemas avançados que assumem as tarefas de condução em diferentes condições ganharam um impulso significativo e, consequentemente, alcançaram preços mais acessíveis. A Mobileye já ganhou projetos para o design de sistemas autônomos L2+ e L3 avançados, com 11 fabricantes de automóveis. Isso representa mais de 50% da indústria automobilística e dos projetos que serão lançados este ano e em 2019.

Mais:  Mobileye News | 2018 CES (Press Kit)

Através da tecnologia de condução autônoma, os carros se tornarão os maiores fornecedores de dados do planeta. Como o CEO da Intel, Brian Krzanich, explicou em seu keynote, e como o professor Shashua reafirmou hoje, a capacidade gerir uma inundação de dados é fundamental para a eventual implantação de carros sem motoristas em escala massiva. Juntos, a Intel e a Mobileye possuem a estratégia, os recursos, os produtos e os projetos de design e pesquisas para enfrentar o desafio de dados.

Outros avanços destacados na conversa com o Professor Shashua foram:

Solução conjunta Intel-Mobileye: a partir de uma abordagem de projeto focado em câmeras para o design do sistema AV, o professor Shashua descreveu que a plataforma Intel-Mobileye otimiza a produção de veículos L4 / L5 em escala. Esta plataforma é composta por dois EyeQ5 SoCs, um processador Intel Atom® C3xx4 e um software Mobileye.

Parcerias para os níveis 4/5: Paralelamente ao desenvolvimento do L2 + / L3 para veículos de passeio, a maioria das montadoras também está em estágios de desenvolvimento para a tecnologia L4 / L5, que suporta redes de veículos completamente autônomos. Hoje, a Mobileye anunciou uma nova parceria com a fabricante chinesa SAIC Motor para desenvolver veículos autônomos L3 / L4 / L5 e também trazer o mapeamento REM para a China.

Progresso da condução autônoma: A Mobileye entregou cerca de nove milhões de chips em 2017 e lançou vários programas, incluindo o sistema Audi A8 L3. Trinta novos projetos com 27 fabricantes de automóveis distintos foram realizados no ano passado, garantindo que soluções com suporte para dispositivos móveis cresçam substancialmente além dos 24 milhões de veículos que já estão na estrada hoje. A demanda de fabricantes de automóveis para sistemas L2 + e L3 ganhou impulso, e o NIO, primeiro de quatro fabricantes de automóveis que esperavam lançar um sistema baseado em EyeQ4 este ano, fez recentemente um excelente exemplo.

Gerenciamento de Mapeamento de experiência de estrada (REM):

  • Este ano, a Mobileye começará a coletar os dados do Road Experience Management, um software habilitado no EyeQ4, o mais recente sistema de chips da Mobileye, que iniciou a produção em 2017. Dois milhões de veículos da BMW, da Nissan e da Volkswagen contribuirão com pacotes de dados. Esses dados serão agregados na nuvem e resultarão em um RoadBook™ que são usados ​​como pontos de referência.
  • O primeiro uso do RoadBook será como uma fonte de dados valiosa para os sistemas L2+ e L3 que serão lançados por várias montadoras em 2019. A categoria de L2+ foi criada para alavancar um RoadBook de baixo custo e para permitir um grande salto nas características de controle lateral (isto é, suporte de pista) e longitudinal (isto é, controle de cruzeiro adaptativo).

Coleta de dados dinâmicos: O REM não é apenas sobre mapeamento. As câmeras dianteiras em veículos são agentes inteligentes que também podem ser usados para coletar dados dinâmicos, tais como condições rodoviárias e ambientais (perigos, construções, densidade de tráfego e clima), infraestrutura e disponibilidade de estacionamento. A Mobileye assinou recentemente um acordo com a Volkswagen para formalizar a coleta e comercialização desses dados. Os dados dinâmicos também podem ser coletados através de um novo produto baseado em EyeQ4 chamado Mobileye 8 Connect™.

Testes em frotas de nível 4: o primeiro carro da frota de 100 veículos de testes da Mobileye foi exibido no keynote de Krzanich. Esta frota usará a plataforma de desenvolvimento e validação descrita acima como uma solução totalmente integrada Mobileye/Intel que o professor Shashua descreveu como “uma plataforma L4/L5 altamente escalável e econômica, beneficiando tanto os clientes como os parceiros fornecedores”. A frota usará o conjunto completo de softwares de segurança da Intel e Mobileye, que são economicamente escaláveis, incluindo visão computacional com surround, cartografia e localização baseada em REM, além de diversos níveis de fusão de sensores, inteligência artificial baseada em semântica eficiente para política de condução (tomada de decisão) e uma camada de segurança formal (descrita abaixo). Isso tudo funcionará em uma das plataformas de silício mais eficientes do mercado, que se beneficiou da integração do talento de engenharia da Intel.

Normas para a segurança: grande parte do trabalho regulatório até o presente momento tem como objetivo promover a implantação de frotas de testes, o que é um desenvolvimento positivo. Agora, as partes interessadas da indústria devem se unir para preparar um ambiente que passe da fase experimental atual para a produção em massa. A Mobileye deu o primeiro passo em direção a uma discussão no setor, publicando um quadro de segurança e responsabilidade, além de um conjunto de definições matemáticas para formalizar o que significa dirigir com segurança.

Sobre a Intel
A Intel (NASDAQ: INTC) amplia os limites da tecnologia para possibilitar as experiências mais incríveis. Informações sobre a Intel podem ser encontradas em newsroom.intel.com e Intel.com.

Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou suas subsidiárias nos Estados Unidos e/ou outros países.

* Outros nomes e marcas são de propriedade de seus respectivos donos.